É tempo de atchimmm!!!

Saiba como prevenir doenças típicas do outono/inverno

A chegada do outono/inverno aumenta o nível de poluição, favorece a diminuição da temperatura e da umidade relativa do ar. Com isso as pessoas tendem a se concentrar mais em lugares fechados, favorecendo a propagação de vírus e bactérias e, consequentemente, aumentando a ocorrência de coriza, tosse, espirro e dificuldades para respirar.

As crianças, geralmente, são sempre as mais afetadas pelas mudanças de temperatura e alguns pais procuram um médico no primeiro espirro. Mas, é preciso lembrar que hospitais são locais cheios de vírus, por isso o recomendado é que a visita ao ambiente só aconteça quando há falta de ar, febre que não cede, sangramento, crise convulsiva ou mudança neurológica.

Nessa época do ano, todos estão mais vulneráveis a gripes e resfriados, mas existem algumas medidas preventivas que podem minimizar esse risco. De modo geral, alimentação balanceada, hidratação, consumo reduzido de bebidas alcóolicas e cigarro, prática de exercícios e sono regulado fortalecem o sistema imunológico. Outras dicas são:

– evitar ambientes com muita poeira e fumaça;

– manter o ambiente arejado;

– evitar contato direto com pessoas gripadas ou resfriadas;

– cobrir a boca e o nariz ao espirrar;

– sempre lavar as mãos.

É importante estar atento aos sintomas e procurar um médico para que seja feito um diagnóstico correto com o tratamento adequado. Além disso, evite a automedicação.

Campanha de Vacinação Contra a Gripe

A gripe é causada pelo vírus Influenza e, além dos sintomas do resfriado, causa febre alta e abrupta, dores no corpo e cansaço. A vacina já está disponível nos postos de saúde para pessoas que fazem parte do público-alvo. São elas: professores da rede pública e privada, idosos com mais de 60 anos, crianças entre seis meses e cinco anos, gestantes, mulheres que deram a luz há menos de 45 dias e trabalhadores da saúde.

O Ministério da Saúde pretende vacinar 54,2 milhões de pessoas até o fim da campanha, no dia 26 de maio.